Notícias

Entrevista com Torricelli de Sousa, da Gateway Tech

O Desafio #moveteresina foi criado com o intuito de melhorar o transporte público coletivo do município. Com o objetivo de angariar mais ideias e obter melhores resultados, o Desafio é realizado com uma abordagem de Inovação Aberta, onde as equipes tem que construir soluções para sete desafios baseados em problemas previamente diagnosticados de forma ampla e colaborativa pela empresa Systra em parceria com a Prefeitura de Teresina.

Dito isso, vamos iniciar hoje uma série de textos com alguns integrantes das equipes classificadas para o Workshop 2.

Para abrir a série, vamos conversar com o engenheiro mecânico Torricelli de Sousa. Ele e mais três amigos: Isaac, Vanessa e Vinícius, formaram a equipe Gateway Tech.

Torricelli explica que um dos motivos que levaram a se inscrever no #moveteresina foi o tema voltado para o transporte público e a parceria da Prefeitura com a Systra. Escolhendo o Desafio “Otimização da Rede de Transporte Público Coletivo”, o grupo teve a ideia de desenvolver um software e hardware para validar e melhorar as informações fornecidas à prefeitura de Teresina.

Ele conta que até agora a parte mais difícil é o de gerenciar o tempo para atender todos os requisitos do projeto no prazo definido pela organização. “Isso é o mais desafiador”, ressalta.

Sobre a classificação, Torricelli achava que seria possível e se surpreendeu com o número de participantes de diferentes estados. “No #moveteresina o nível de conhecimento de cada um é bem diverso e tudo isso passa a sensação de loteria onde para ganhar primeiro é preciso jogar.”

Para a próxima fase, ele acredita que pode se classificar, mas que a equipe precisa gerenciar melhor o tempo frente aos desafios que estão por vir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *